Os cães se reconhecem no espelho?

É verdade que o cão não tem noção de imagem?

200396730-001

Nem mesmo uma longa sessão de banho e tosa numa petshop é capaz de fazer o seu cachorro parar na frente de um espelho para conferir o próprio visual. A razão disso não está relacionada à falta de vaidade do seu mascote, mas sim à incapacidade que ele tem de reconhecer a própria imagem refletida, segundo o professor Luciano Mendes Castanho, da Faculdade de Ciências Biológicas da PUC-SP.

Essa característica dos cães não é uma exceção no mundo animal. A capacidade de identificar a si mesmo em um espelho é bastante rara na natureza, presente apenas entre os grandes primatas (chimpanzés, bonobos, gorilas, orangotangos e humanos), nos golfinhos e nos elefantes.

Entre os cientistas há o entendimento de que essa habilidade só é possível em espécies com alto grau de empatia e comportamento altruístico, ou seja, que são aptos a perceber as necessidades de outros indivíduos de sua espécie e tentar ajudar. “Além disso, trata-se de animais que têm uma capacidade cerebral muito mais sofisticada que a dos cães”.

Related Posts with Thumbnails

Post to Twitter Tweet This Post

Leave a comment Os cães se reconhecem no espelho?

  1. Thereza disse:

    Me desculpe o cientista e seu estudos, mas o meu golden se reconhece sim no espelho!Não só no espelho mas em qualquer lugar que a imagem se reflete!Aliás, uma de nossa brincadeiras é eu ficar fazendo micagem em frente ao espelo, e ele ficar olhando…só pra virar e me “atacar”, é muito engraçado…ele pede pra fazer isso!

    Muito legal esse blog!Post muito interessante!Estou adorando!

  2. mberriel disse:

    Muito obrigado por sua visita! Procuro sempre trazer um assunto interessante pra trocar informação e com isso ir aprendendo um pouco mais sobre os nossos amigos mais fiéis!

  3. Luana Reys disse:

    Ah, minha cachorrinha, a Dalila, ela realmente não dá importancia para a imagem dela. Várias vezes já coloquei ela na frente do espelho e ela nem ligaa. rsrs’
    Aah, só de falaar nela já me dá mtas saudades rsrs
    Eu a Amo muito..

    Muito legal essa matériaa. Vaaleeu

  4. mberriel disse:

    Os meus também não dão a mínima pra isso. De Narciso não tem nada! Obrigado por sua visita ao blog!

  5. Mah disse:

    Eu tive uma cadela, a Lylla, que me foi dada como uma vira-latas, mas que depois descobrimos que era mestiça de Galgo (ñ tenho certeza se esse é o nome da raça ou o tipo de cão). Linda, brincalhona, carinhosa e delicada apesar de enorme, saltadora ao extremo, hábil e adorava brincar com o reflexo de luzes no chão, parede e teto (!). E uma coisa nos chamava atenção: de vez em quando parecia se examinar no espelho. colocava as patinhas nas gavetas baixinhas e ficava se olhando… Ela era realmente especial, parecia ser um espírito canino mais adiantado…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Spam Protection by WP-SpamFree